"sua realidade segura por um fiapo de cabelo"

Posts com tag “São Paulo

Revolta Popular – Riot São Paulo 18 junho 2013

1
A manifestação teve início as 17hrs em frente a Prefeitura Municipal de São Paulo. Contudo após a ação direta de alguns manifestantes ao tentar ocupar a Prefeitura e mover a GCM (Guarda Civil Metropolitana) para dentro do prédio. Os manifestantes puderam agir e a revolta teve início.

Barricadas foram montadas nas principais vias de acesso a Prefeitura, um automóvel da Rede de Televisão Record foi incendiado, antes disso tentaram capotar o veículo, mas sem sucesso.

O ato teve como principal alvo os Bancos Itaú, Itaú Premiere e Bradesco, bancos que lucram com juros e débitos de correntistas. No ano de 2012 o Itaú Unibanco¹ teve lucro líquido recorrente de R$ 14 bilhões. E o Banco Bradesco² com lucro líquido de R$ 11,381 bilhões. Apesar da destruição das agências os Bancos continuam lucrando diariamente com a desgraça de grande parte da população endividada.

Também foram atacadas as lojas McDonalds, Americanas, Marisa e algumas outras da região da Praça do Patriarca. Podemos enquadrar os Atos como Revolta Popular Anti-Capitalista.

Nos dois sentidos do viaduto do Chá foram feitas barricadas para impedir a passagem da Tropa de Choque. As bandeiras do Estado e do Município foram removidas dos mastros incendiadas.

Dentre as tendências presentes, vimos que nacionalistas de Extrema Direita também fizeram ações, acompanhados por despolitizados que em sua maioria carregava a bandeira nacional. Esse grupo removeu umas das bandeiras incendiadas e ostentaram na frente do Teatro Municipal, lá começou o ato deste grupo que cantou hinos e pediu por pautas sugeridas pela mídia hegemônica. Contudo era minoria diante das diversas tendencias politicas presentes.

Vimos a presença da ESPN que gravou grande parte da Revolta, além da mídia independente.

Não deixamos de lembrar que o estopim teve início a partir da revindicação popular pela redução das tarifas de Transporte Público na Capital do Estado do São Paulo, a partir da chamada por Atos Unificados o Movimento Passe-Livre revindicou a redução imediata do aumento das passagens e a Tarifa Zero do transporte coletivo como direito social.

Fonte: [1] Itaú Unibanco encerra 2012 com lucro líquido recorrente de R$ 14 bilhões -https://www.itau.com.br/imprensa/releases/itau-unibanco-encerra-2012-com-l ucro-liquido-recorrente-de-r-14-bilhoes.html

[2] Lucro recorde do Bradesco em 2012 é o 4º maior da história dos bancos do país
http://economia.uol.com.br/noticias/redacao/2013/01/28/lucro-do-bradesco-em-2012-e-o-maior-da-historia-do-banco.htm

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Retrato – Sepultamento do Brasil

Hoje encontrei uma senhora, sua filha e seu neto, aguardando a solidariedade de alguém que pagasse uma passagem para uma idosa acompanhada de sua filha com o bebê, que não é permitida passar pela CATRACA nem por solidariedade do fiscal que assistia a angustia e miséria, vieram para São Paulo por um sonho que está se tornando trágica, apenas a quatro semanas e não tem onde morar.

Alan Delon, nome do bebê de seis meses, sua Mãe e Maria Lucia, vieram do Mato Grosso, com pouco de suas economias em mãos, algum tanto de correntes de ouro, barrinhas de ouro, seu futuro, passado e presente, guiados pelo sonho que viram na televisão. São quantas favelas, moradores de rua e toda a população que ocupam prédios em busca de abrigo na cidade que mais tem moradores de rua. Não é evidente?

Sonhos destruídos com a desigualdade social em São Paulo, terra dos quarteirões mais caros, dono da cultura de maior miscigenação imigrante, desde o Indígena, ao Europeu até os pontos mais distantes do mundo e mesmo do Oiapoque ao Xuí, essa Terra de Culturas intensas, esta São Paulo bela e rica, no aspecto Cultural, hoje está mais próxima do “American Way Of Life” do que nunca, somos a nova sociedade do consumo de produtos norte-americanos, idolatramos e queremos ser como eles. [Me excluo desse sonho comum escroto]

Vimos que nossa rica e linda Cultura será esquecida por esse parasita cultural. Não somos o Brasil, estamos distantes dele, vendo e ajudando sua cultura morrer pela do conquistador de mercado, publicidade, imprensa e hábitos de vida. Sejamos fortes diante destes verdadeiros bárbaros. Os impactos culturais e na educação, além do consumo, estão sendo devastadores.

Adeus Brasil, te vejo sendo enterrado por aqueles de sua terra, gente de você mesmo, o sepultam.